fbpx

Space X deverá fazer primeiros testes de novo foguete nesta semana

No último domingo (17) o bilionário Elon Musk, CEO da Tesla e da Space X, confirmou via Twitter que sua empresa aeroespacial estava próxima de fazer os primeiros testes do novo sistema de lançamento que será usado na espaçonave Starship, que permitiria que a nave fosse “lançada” de uma estação espacial e usar seus propulsores para pousar em uma base específica de volta à Terra.

Tudo indica que a Space X deverá fazer os primeiros testes do sistema ainda nesta semana, e a empresa já avisou os moradores da região sobre possíveis testes de foguetes que deverão ocorrer nos próximos dias, além de já ter fechado a rodovia Highway 4 para qualquer pessoa que não é um morador da área, a fim de criar uma “zona de segurança” caso ocorra algum acidente durante o teste.

De acordo com Musk, o primeiro teste da espaçonave não irá mandá-la para o espaço ainda, mas será usado para testar a integração entre o veículo e o foguete Raptor, que o colocará em órbita, testando-se apenas um dos três motores que serão necessários para o lançamento final.

Mas além de revelar um pouco sobre os testes que deverão ocorrer durante esta semana, Musk aproveitou a deixa para fazer diversos comentários sobre o sistema de “escudo de calor” da espaçonave, um fator importantíssimo para o desenvolvimento dela já que o projeto de Musk é de uma nave que possa não apenas voltar para a Terra, mas ser lançada de volta ao espaço logo em seguida, sem a necessidade de longas manutenções.

Como é de se esperar de um projeto ainda em fase de protótipo, o design do “escudo de calor” da Starship tem mudado bastante a cada nova atualização, e o atual utiliza placas hexagonais capazes de aguentar temperaturas de até 1.375 ºC, e que estaria presente apenas no ”bico” da nave (a parte mais afetada pela reentrada na atmosfera), não se fazendo necessária a presença na parte traseira do veículo. Musk até mesmo tweetou um teste dessas placas, no qual estão sendo “atacadas” por lança-chamas para simular o calor de reentrada no planeta.

Por enquanto, é impossível dizer exatamente a quantas anda o desenvolvimento das espaçonaves da Space X, mas considerando que a empresa já “amadureceu” o suficiente o motor Raptor para iniciar os primeiros testes de voo, fica claro que o programa está avançando — o que é um enorme elogio para os engenheiros de Musk, que tem conseguido fazer descobertas e criado novas soluções para voos espaciais que nem mesmo a NASA havia pensado.

Fonte: Canal Tech

Conteúdos Relacionados

 

Ingressos

O benefício da meia-entrada é válido para Estudantes / Doadores de Sangue / Idosos / PCD / Professores / Portadores do Voucher Geek City e descontos de parceiros.