fbpx

Slash garante que Guns N’ Roses quer gravar novas músicas

Slash garante que Guns N’ Roses quer gravar novas músicas
08/08/2018 Redação GC

Slash garante que Guns N’ Roses quer gravar novas músicas

Desde que se reuniu com o núcleo da sua formação original, o Guns N’ Roses não parou de excursionar pelo mundo.

Axl Rose, Slash, Duff McKagan e a trupe de músicos que os acompanham estão faturando milhões de dólares com os shows, e muito se pergunta a respeito da possibilidade de novas músicas ou até mesmo um novo disco.

Em 03 de agosto a pergunta veio novamente à tona durante um evento da rádio SiriusXM em Los Angeles, e Slash não escondeu que a ideia é real entre os integrantes da banda:

Isso foi comentado. Eu acho que todo mundo quer fazer, então a gente vai ver o que acontece. Estivemos ocupados com esse lance de percorrer todo o planeta.

Reunião expandida
Ainda segundo o icônico guitarrista, a ideia inicial da turnê de reunião do Guns N’ Roses consistia de nada mais, nada menos do que cinco shows, mas tudo mudou:

“Nós não tínhamos um plano de longo prazo. Axl e eu nos reunimos e conversamos um pouco, e achamos que seria legal fazer os shows do Coachella porque volta e meia a gente recebia a proposta do festival para se reunir e sempre rejeitava.

Então agora que estamos nos dando bem, finalmente pareceu que era uma boa ideia. Esse era o foco principal – tocar apenas no Coachella e fazer alguns shows de aquecimento, então tocamos no Troubadour, fizemos um show em Las Vegas, outro no México e as duas apresentações do festival. Tudo correu muito bem e as coisas se encaixaram. Então a gente disse, ‘Ok, vamos fazer essa turnê pelos Estados Unidos que estão nos oferecendo,’ e aí tudo virou uma grande bola de neve.
Os últimos shows que nós fizemos foram em 1993 na América do Sul, então tínhamos uma situação onde estávamos tocando em estádios. Quando a reunião aconteceu, as primeiras ofertas eram para shows em estádios. Então eu pensei, ‘Ok. Isso é ótimo.’ Eu acho que mais do que qualquer coisa, eu fiquei empolgado com o entusiasmo. Considerando, para mim pessoalmente, que a gente estava fora há tanto tempo, a chance de voltar e tocar para essas plateias insanas… Foi tudo, na minha opinião, melhor recebido do que nos últimos anos dos anos 90 quando eu estava na banda. Foi muito, muito legal. E é uma daquelas ocasiões em que você pode apreciar o fato de tocar em um estádio porque está tocando para qualquer número entre 30 e 80 mil pessoas que são tão interessadas pela sua música que é quase como tocar em uma pequena casa de shows – as apresentações têm aquele sentimento pessoal de proximidade. Então foi muito, muito divertido.”

Retorno às Origens
Além de falar sobre como tem gostado da reunião do Guns N’ Roses, Slash também relembrou o primeiro “episódio” do retorno, quando a banda ensaiou no lendário Troubadour da sua terra natal, Los Angeles:

“O momento mais surreal foi a passagem de som no Troubadour [2016]. Esse momento foi surreal. Muito antes da gente fazer o show e tudo mais, apenas estar ao lado de todo mundo, estar nesse ambiente particular e obviamente encher o local com 10 vezes mais equipamento do que a gente tinha no início de carreira. Olhar para o lado e ver Axl e Duff, foi tudo surreal. O resto parecia muito, muito novo. Eu estava com um cara que foi meu parceiro no crime durante tantos anos antes da gente ter esse, meio que, desentendimento. E aí, obviamente, Duff. E nós estávamos lá fazendo esses shows. E eu conheço esses caras, conheço essas músicas, mas algo lá não lembrava, por exemplo, a turnê de ‘Use Your Illusion’. Então era tudo fresco e novo. É uma coisa interessante.”

Slash
Enquanto as músicas novas do Guns N’ Roses não aparecem, Slash continua mandando ver em projetos paralelos.

Nos próximos dias ele irá lançar um novo disco ao lado de Myles Kennedy e os Conspirators.

Fonte: TMDQA

SAIBA TUDO QUE ESTÁ ROLANDO!

Newsletter

Posts relacionados