fbpx

Sana Amanat: A mulher mais importante da Marvel

Sana Amanat: A mulher mais importante da Marvel
07/08/2018 Redação GC

Sana Amanat: A mulher mais importante da Marvel

Você pode nunca ter ouvido (ou lido) o nome Sana Amanat diretamente, mas com certeza já sentiu o impacto do seu trabalho, que se torna cada vez mais influente na linha editorial da Marvel.

A editora e diretora de conteúdo e desenvolvimento de personagens é, sem dúvidas, uma das principais responsáveis pelo desenvolvimento da nova estética dos quadrinhos da Marvel, prezando pela criação de novos personagens que refletissem públicos mais diversos.

As razões para essa busca passam pela sua infância, como paquistanesa-americana e muçulmana em Nova Jersey, onde as mídias retratavam outros padrões de beleza bem menos do que hoje.

“Minha esperança é que a próxima geração não experimente esse tipo de rejeição e que a cultura de super-heróis possa ser um filtro para dividirmos nossos pontos de vista,” afirma a escritora, que pode se orgulhar de seu trabalho até então: foi responsável por trazer grandes nomes como G. Willow Wilson e Ta-Nehisi Coates à editora e participou ativamente da remodelação de personagens como a Capitã Marvel e o Demolidor, além da criação do maior sucesso recente da editora: A Ms. Marvel.

A diretora, que deixa clara a diferença entre ser sexy e ser sexualizada, pretende fazer as suas personagens alcançarem todos os tipos de garotas, preterindo o antigo “maiô” da Capitã Marvel pelo traje mais recente, já adaptado para os cinemas, e criando visuais cada vez mais inventivos que não passem dos limites na sexualização.

“Eu me pergunto: ‘existem outros públicos que não estamos enxergando?’ Quadrinhos são para todos e a Marvel quer relembrar as pessoas disso.” Ela comenta, sobre o pensamento que a fez refletir se deveria trazer sua visão para a editora, em 2009, quando foi convidada por um executivo da Marvel.

Atualmente, ela também supervisiona a nova animação da Marvel: “Marvel Rising: Secret Warriors“, que trará um elenco bem diferente do que se veria dez anos atras, com a Tremor, sucesso do seriado Agentes da SHIELD, o novo Patriota, a Spider-Gwen e, claro, a Ms. Marvel.

Se tanto sucesso em menos de uma década for um indicativo, Sana Amanat pode se considerar orgulhosa e cada vez mais próxima do seu objetivo principal: fazer os quadrinhos da Marvel serem mainstream e universais ao mesmo tempo, refletindo seus vários públicos.

Fonte: Cromossomo Nerd

GEEK NEWS

#Curiosidades    #Cinema e Séries    #Games    #Tecnologia     #Geek City    #Música    #Livros e HQ

SAIBA TUDO QUE ESTÁ ROLANDO!

Newsletter

Posts relacionados