fbpx

Quando os Estados Unidos foi “atacado” pelo Homem TV – e ninguém soube o porquê

Imagine a seguinte cena: de manhã, uma pessoa acorda e caminha até a cozinha para sua refeição matinal. Ainda sonolenta, ela prepara um café para despertar. Após ingerir sua dose diária de cafeína, ela vai até a porta de sua casa para pegar o jornal que foi deixado ainda de madrugada em sua residência.

A narrativa parece normal — afinal, esse comportamento pode ser prática comum para muitas pessoas —, mas agora substitua o bloco de papel noticioso por uma TV de tubo.

Bizarro demais, não é? Pois saiba que foi exatamente isso que aconteceu com moradores de Hampshire, no estado da Virgínia, Estados Unidos, na manhã de domingo de 11 de agosto de 2019.

Mas muito se engana quem pensa que o insólito caso foi em decorrência de uma pegadinha com alguma pessoa em específico, afinal, o caso foi relatado por 50 moradores diferentes.

Como se a situação não fosse estranha o suficiente, ao olharem as gravações do circuito interno de segurança, as autoridades locais descobriram que o inusitado evento foi realizado pelo Homem TV: uma pessoa vestindo um macacão azul, luvas pretas, botas marrons e que tinha um aparelho de TV colocado no lugar da cabeça.

“[De manhã] todo mundo começou a sair de suas casas para andar pelo bairro apenas para ver essas TVs nas portas dos outros moradores. Parecia um episódio de ‘Além da Imaginação’”, disse Jeanne Brooksbank, uma das ‘sortudas’ que recebeu a visita do Homem TV.

Matt Pecka, tenente do departamento de polícia local, disse que o dia começou bastante agitado com dezenas de ligações entupindo as linhas telefônicas. Ele acredita que o Homem TV teve um ajudante: uma pessoa de macacão branco que também usava uma TV enquanto fazia entregas.

O episódio incomum continuou sendo investigado, mas sem muita preocupação. “Determinamos que não havia uma ameaça credível para os residentes e que isso era estritamente um inconveniente”, disse Pecka. “Foi” – (longa pausa) – “único”.

Para retirar os equipamentos, os policiais tiveram que pegar emprestado um caminhão do Departamento de Resíduos Sólidos. Os seis policiais envolvidos na operação coletaram todos os aparelhos televisivos em cerca de uma hora. Os eletrônicos foram enviados para o centro de reciclagem.

Fonte: Aventuras na História

Conteúdos Relacionados

 

Ingressos

O benefício da meia-entrada é válido para Estudantes / Doadores de Sangue / Idosos / PCD / Professores / Portadores do Voucher Geek City e descontos de parceiros.