fbpx

Deus egípcio Osíris pode ter ganhado nova representação segundo arqueólogos

De acordo com a mitologia egípcia, Osíris é descendente direto de Rá, deus de toda a criação, sendo filho de Geb e Nut. Osíris teria reinado no Egito como primeiro faraó até ser assassinado pelo seu irmão Set, que o invejava. Com essa morte movida pelo ciúmes, Osíris se tornou o deus supremo do submundo, também conhecido como o juiz do mundo dos mortos.

Durante a glória do faraó Aton (Akhenaton), apenas ele próprio poderia ser venerado. Assim, o regente proibiu o culto a Osíris e outros 2 mil deuses do Antigo Egito. Pela primeira vez na história do país, apenas um deus era cultuado, mas durou só até a morte de Aton, em 1336 a.C.

A representação de Osíris

(Fonte: Jason Engle/Artstation)

O deus do submundo sempre foi representado como um homem mumificado, com uma coroa branca e plumas de avestruz. Além disso, sempre aparecia com os braços cruzados, carregando um cajado e um açoite. Diferentemente de outros deuses do Egito conhecidos, Osíris não era normalmente representado como um animal, porém, quando isso ocorria, geralmente era um crocodilo, touro ou peixe.

A descoberta da nova representação

Um estudo ainda em andamento descobriu uma potencial nova representação para o deus Osíris. Egiptólogos do Museu Nacional, juntamente com pesquisadores argentinos, encontraram na tumba de Neferhotep (que viveu há 3,3 mil anos), o escriba do Templo de Karnak, uma representação de Osíris como um sol noturno.

(Fonte: GizModo/Reprodução)

De acordo com a arqueóloga argentina Violeta Pereyra, a nova representação de Osíris marca a transição entre o período monoteísta instaurado pelo faraó Akhenaton e a volta dos Antigos Deuses, após a sua morte. “A restauração do universo osiriano após Amarna é o que queremos conhecer melhor”, disse a pesquisadora.

O período foi confirmado por conta das inscrições na tumba de Neferhotep que, de acordo com análises, foram feitas entre o final do reinado de um faraó e outro. Sendo assim, a confirmação de que a diferente representação do deus Osíris como um sol noturno surgiu após o reinado de Aton, que costumeiramente era representado como o disco solar.

Fonte: Mega Curioso

Conteúdos Relacionados

 

Ingressos

O benefício da meia-entrada é válido para Estudantes / Doadores de Sangue / Idosos / PCD / Professores / Portadores do Voucher Geek City e descontos de parceiros.